Governo

Fenasul Expoleite é aberta oficialmente com agradecimento aos expositores

Foram abertas oficialmente as porteiras da Fenasul Expoleite de 2022, com destaque para a área dos animais de diferentes espécies e raças e agradecimentos aos expositores


Publicado em: 19/05/2022 às 15:30hs

Fenasul Expoleite é aberta oficialmente com agradecimento aos expositores

Em cerimônia realizada nesta quinta-feira (19/5), na pista do gado leiteiro do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, autoridades, dirigentes e produtores relembraram a retomada do evento e a relevância da pecuária leiteira no âmbito estadual. Na noite de quarta-feira (18/5), o governador Ranolfo Vieira Júnior participou de outro momento da abertura do evento, com destaque para a 2ª Multifeira de Esteio. A feira segue até domingo, às 17h, com entrada gratuita.

Representando o governador na manhã desta quinta-feira, o secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Domingos Velho Lopes, anunciou a homologação da Fenasul Expoleite dentro do calendário oficial de eventos do Estado, a ocorrer sempre no terceiro final de semana de maio. Na oportunidade, o secretário destacou a união das entidades entre os pontos positivos para a concretização do evento e para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul como um todo. “Respeitadas suas individualidades, todas as entidades demonstram o quanto sabem fazer a intersecção de interesses comuns na busca por grandes soluções. Novamente, a Fenasul Expoleite, além de proporcionar o retorno do abraço entre as pessoas, dá visibilidade à consolidação da pecuária leiteira que tem participação extremamente importante na formação do PIB gaúcho, com presença forte da agricultura familiar”. 

Lopes ressaltou ainda a qualidade da equipe de servidores da Seapdr, mencionando a robustez do sistema de defesa agropecuária, o qual viabilizou, há um ano, que o Rio Grande do Sul fosse certificado como área livre de febre aftosa sem vacinação, pela Organização Mundial da Saúde Animal (OIE). O secretário acrescentou ainda que o Estado deverá consolidar seu protagonismo dentro da agenda de agricultura de baixo carbono, o que reforçará ainda mais o valor das cadeias de proteína animal. “O mundo já viu e já valorizou o nosso modelo de agricultura de baixo carbono, na COP 26 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima). Na COP 27, no Egito, vamos apresentar estudos do que realiza a nossa atividade agrossilvipastoril dentro desta pauta”, salientou Lopes.

Em seu discurso, o presidente da Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac), João Francisco Bade Wolf, homenageou todas as associações que estão expondo no evento. "É muito importante, dos mais antigos aos mais jovens, dos pequenos aos grandes, trazendo seus animais. Parabéns a vocês, que estão engrandecendo esta Fenasul depois de dois anos ausentes, sendo a Fenasul da retomada, do abraço. É muito importante estar com este parque cheio", salientou, lembrando também das crianças e do futuro, em lembrança às filhas da presidente da Associação Sulina de Criadores de Búfalos (Ascribu), Desireé Möller, que participavam da cerimônia. "É a mostra de quem tem que começar a vir para o parque, esta é a renovação", acrescentou.

Já o presidente da Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul (Gadolando), Marcos Tang, também agradeceu a todos os participantes e patrocinadores do evento com suas programações. Reforçou a importância da feira para mostrar a ligação do campo com a cidade e conclamou a população urbana a conhecer o trabalho dos produtores nesses dias do evento, que tem entrada gratuita. "Esta é uma feira com integração campo e cidade com entrada gratuita também com a participação da Prefeitura de Esteio com sua Multifeira", destacou, reforçando também que a participação de todos é fundamental independente dos resultados de julgamentos e concursos. 

O prefeito de Esteio, Leonardo Pascoal, lembrou do histórico da feira, dizendo que a Expoleite celebra a qualidade do leite gaúcho há 43 anos, enquanto que a Fenasul, há 16 anos, passou a agregar mais atividades e robustecer o evento. Representando a Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), Francisco Schardong, lembrou o espírito que une todos os produtores rurais. “Por mais que os produtores sejam penalizados, muitas vezes recebendo baixos preços pelos seus produtos, eles têm algo que é muito especial, o gosto pelo campo, e isto não tem dinheiro que pague”.

A Fenasul Expoleite

A Fenasul Expoleite é o segundo maior evento realizado no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, depois da Expointer. 

A Expoleite, que está em sua 43º edição, nasceu para valorizar o trabalho dos produtores e a qualidade do leite produzido no Rio Grande do Sul, além de dar visibilidade aos animais e o melhor da genética das raças leiteiras criadas no Estado. Atualmente, a produção leiteira destinada para industrialização está presente em 466 dos 497 municípios gaúchos. 

Já a Fenasul, que está em sua 16º edição, agregou mais atividades e programações ao evento e somou outras espécies de animais. Nos últimos anos, a feira contou com exposição, provas e julgamentos de equinos, bovinos de corte, pequenos animais, ovinos e caprinos. 

Na edição de 2022, a Fenasul Expoleite, com o objetivo de aproximar o público rural do urbano, conta com exposição de bovinos de leite, bovinos de corte, bubalinos, equinos e aves, assim como julgamentos de raças, além de provas equestres, como a classificatória ao Freio de Ouro, Multifeira de Esteio, shows musicais, produtos da agricultura familiar, palestras e seminários, rodeio artístico entre outras atividades. 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do RS

◄ Leia outras notícias