Suíno

Custo do Suíno vivo na região Sul subiu quase 36% em 2021

O levantamento realizado pela Central de Inteligência de Suínos e Aves da Embrapa, indica que o custo de produção do suíno vivo na região Sul apresentou novo aumento em dezembro


Publicado em: 27/01/2022 às 12:30hs

Custo do Suíno vivo na região Sul subiu quase 36% em 2021

Em relação aos Estados da Região, Santa Catarina mostrou custo de R$7,00, atingindo aumentos de 5,3% no mês e de 6,7% sobre o mesmo período do ano anterior. No Paraná o custo subiu para R$6,74, significando índice mensal positivo de 1,2%, enquanto sobre dezembro de 2020 o aumento atingiu 6,8%. No Rio Grande do Sul o custo subiu para R$7,13, o maior nos três Estados, equivalendo a aumentos de 8,2% sobre novembro último e de 13% sobre o mesmo período de 2020.

O resultado foi um valor médio de R$6,96 na região Sul, indicando evolução de quase 5% no mês e de 8,8% em doze meses.

O custo acumulado no decorrer do ano alcançou R$6,89, significando crescimento anual de 35,8% e trazendo pesado ônus aos suinocultores que não conseguiram repassar a evolução do custo aos comerciantes.

Fonte: SuiSite

◄ Leia outras notícias