Meio Ambiente

O Fundo Verde para o Clima e o IICA assinam acordo que aumentará financiamento de projetos de resiliência climática na América Latina e no Caribe

O Green Climate Fund prevê que a parceria com o IICA fará crescer a entrada de recursos financeiros para iniciativas de mitigação, adaptação e resiliência na região, que até esta data foram de US$ 1,85 bilhão em 41 projetos climáticos.


Publicado em: 10/09/2021 às 09:00hs

O Fundo Verde para o Clima e o IICA assinam acordo que aumentará financiamento de projetos de resiliência climática na América Latina e no Caribe

O Fundo Verde para o Clima (Green Climate Fund – GCF) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) assinaram um acordo para apoiar iniciativas de adaptação e resiliência climática da agricultura e da ruralidade nos países das Américas.

Com o credenciamento concedido ao IICA pelo Fundo no início de julho de 2021, o Instituto poderá concorrer por recursos para o desenvolvimento de projetos até o valor máximo de US$ 50 milhões por iniciativa.

“No GCF, temos a satisfação de dar as boas-vindas ao IICA como uma nova entidade de acesso direto, agora a 18° na região. Até o dia de hoje, o fundo alocou US$ 1.85 bilhão em 41 projetos climáticos na América Latina e no Caribe para medidas urgentes de mitigação e adaptação e de fortalecimento da sua resiliência à mudança do clima. Prevemos que, com a associação do IICA, aumentaremos o financiamento”, comentou o Subdiretor Executivo do GCF, Javier Manzanares.

“Apoiar os projetos de mitigação, adaptação e resiliência climática é fundamental para o IICA, pois o contexto atual de mudança do clima aumenta a vulnerabilidade dos sistemas de produção de alimentos e impõe grandes desafios para garantir a segurança alimentar”, observou o Diretor Geral do IICA, Manuel Otero.

“A relação com o GCF”, acrescentou, “significa uma mudança estrutural na capacidade do IICA de apoiar e agregar valor à agenda de resiliência dos nossos Estados membros”.

A assinatura do convênio foi feita virtualmente na Conferência dos Ministros da Agricultura das Américas 2021, organizada pelo IICA.

No momento, o IICA tem aprovados e em fase de implementação dois projetos em modalidade preparatória financiados pelo GCF, os quais beneficiarão 17 países da América Latina e do Caribe.

Essas iniciativas são: “Strengthening the foundation for a climate responsive agricultural sector in the Caribbean” para Bahamas, Belize, Dominica, Haiti, Santa Lúcia, Saint Kitts e Nevis, São Vicente e Granadinas, Suriname e Trinidad e Tobago; e “Post COVID-19 Green Recovery for Food, Health, and Water Security strengthened by financial and technological innovations in Latin-American countries” para Equador, Brasil, Guatemala, Peru, Colômbia, México, Uruguai e Bolívia.

O fortalecimento da sustentabilidade dos sistemas de produção de alimentos propiciaria um equilíbrio maior entre a emissão de carbono e a sua captura e geraria externalidades positivas para os serviços ecossistêmicos, cujo montante ainda deve ser quantificado e capitalizado.

O propósito do GCF é contribuir significativamente para os esforços da comunidade internacional no combate à mudança do clima, objetivo último da Convenção Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (CMNUCC).

No contexto do desenvolvimento sustentável, o fundo promove uma mudança de paradigma para vias de desenvolvimento com baixas emissões e resilientes ao clima, e para isso oferece apoio aos países em desenvolvimento a fim de limitarem ou reduzirem as suas emissões de gases de efeito estufa e se adaptarem aos impactos da mudança do clima, levando em consideração as necessidades das nações particularmente vulneráveis.

O IICA, na sua missão de fornecer cooperação técnica de excelência, articula-se agora com essa coordenação global, reforçando o seu compromisso com o setor agropecuário dos seus países membros.