Outros

Cebola: maior classificação pode ser alcançada com aplicação de potássio e aminoácidos

O tamanho de classe 3 (calibre 50 a 70 mm) é considerado preferência nacional e possui o maior preço de comercialização no mercado


Publicado em: 13/10/2021 às 09:20hs

Cebola: maior classificação pode ser alcançada com aplicação de potássio e aminoácidos

Para estar em destaque na produção nacional e mundial, os produtores brasileiros de cebola precisam estar atentos aos fatores que determinam a qualidade desta hortaliça, que é classificada de acordo com o diâmetro do seu bulbo. O tamanho de classe 3 (calibre 50 a 70 mm) é considerado preferência nacional e possui o maior preço de comercialização no mercado. 

O produtor de cebola de Bonito (BA), Jusemar Santos Freitas, aumentou sua produção da caixa tipo 3 em 35% ao realizar manejo nutricional com potássio e aminoácidos. “Fizemos o teste, e com os bons resultados, continuamos o uso dos componentes e utilizamos há dois anos. Com os efeitos, conseguimos melhorar nossa produção e qualidade”, relata. Atualmente, o agricultor cultiva em uma área de 30 hectares e possui uma produtividade média de 85 toneladas/ha.

De acordo com o engenheiro agrônomo Marcos Revoredo, gerente técnico de hortifruti da Alltech Crop Science, o ideal é fazer a aplicação dessas soluções naturais no momento de deitamento da folha. “Além de proteger a cebola de estresses fisiológicos, podemos ainda visualizar plantas com benefícios como uniformidade na maturação e estimular a translocação de carboidratos para o bulbo, desenvolvendo assim, um melhor valor agregado ao produto”, destaca o engenheiro agrônomo.

Segundo Revoredo, o potássio é um dos elementos mais importantes para a fase final do ciclo da cebola. Isso porque ele está diretamente relacionado ao transporte de carboidratos, que quando equilibrados, irão ajudar a manter uma qualidade fotossintética da planta, gerando energia, que durante a maturação será drenada para os bulbos.  

Já os aminoácidos são elementos orgânicos que quando aplicados nesse momento promovem a intensificação de fotoassimilados da folha. “Isso irá impactar diretamente no peso, tamanho e aspectos essenciais para uma melhor classificação, e, consequentemente, uma boa comercialização”, finaliza o profissional. 

Tecnologia indicada

Para obter melhores resultados de classificação no cultivo da cebola e atingir os bons aspectos nutricionais exigidos pelo mercado, Marcos Revoredo indica o uso Bulk. O produto foi desenvolvido pela Alltech Crop Science, sendo formulado à base de potássio e aminoácidos específicos. Desta forma, auxilia na translocação dos carboidratos e na uniformização da maturação de maneira equilibrada.

Fonte: Centro de Comunicação

◄ Leia outras notícias